terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Deleito da Liberdade

















Inunda-me com um esplendido prazer carnal, prazer emocional, prazer de viver contigo cada segundo.                     Nossos prazeres são nossos, e olhares alheios partilham de nossos íntimos momentos.
Olhares de encanto e repulsa, de cumplicidade e desafeto, de amor e ódio,
que em nossa realidade tornam-se apenas olhares.


As quatro paredes se tornara um carcereiro bestial, 
 
expandimos nossos desejos, não mais cabiam nas barreiras de concreto.
Nosso quarto um paraíso delirante, prazer pervertido, prazer não mais contido.
O temor não mais existe em nosso deleito, gozamos de liberdade, gozamos com liberdade! 


Meu caminho cruzou com o teu, nossos corpos agora cruzam a imensidão de desejos escancarados.
Desejos despirocados, libidinosos, libertinos, sádicos, mágicos.
Liberdade, corpos nus sob a luz do Sol, do luar, das estrelas, se entrelaçando numa trepada fascinante,
porque nosso amor é excitante, nosso amor é alucinante e fascina os olhos de quem vê.
Photo: Aivan Moura





domingo, 19 de janeiro de 2014

Protagonistas e sua Platéia

Temos um imenso desejo em sermos protagonistas de nossas próprias vidas. E aí começa a disputa para ver quem se destaca mais nesse Freak Show. Os mais bizarros estão no poder. A grande maioria não passa de uma platéia qualquer numa apresentação de quinta. Pode ser uma apresentação de quinta categoria mas está sempre recheada de bizarrices grotescas de alto nível, e as poltronas estão sempre todas ocupadas. De início a platéia se incomoda um pouco, mas após alguns minutos se acostumam e por mais que estejam perplexos continuam a assistir. Os protagonistas do show não se incomodam com os olhares de repulsa, pois sabem que mesmo horrorizados, todos continuarão sentados após a cortina abaixar.

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Gato Demasiado Gato

Photo: Nickk Fotografias
Eu amo gatos, somos bichos que se compreendem e sempre digo que temos interesses recíprocos. Gato quando gosta é sincero você percebe de imediato quando ele vai com a sua cara. Gato não faz cerimônia quando o ser humano chega porque o momento dele consigo mesmo o interessa mais naquele momento. Gato te chama quando quer sua atenção, seu carinho, chega devagar, te seduz com seu rebolado pomposo, te encara nos olhos com um olhar penetrante irresistível e por mais ocupado que esteja você cede ao seu chamado.
Gato não idolatra ninguém porque gato não te enxerga como um ser superior, gato te enxerga como um igual. Sabe respeitar sua individualidade e sabe ser um companheiro fiel e carinhoso; carinhoso quando quer porque gato precisa de espaço, e quando gato não quer ser amado não adianta insistir, gato quer quando quer e você nunca terá seu charme para seduzi-lo a sua vontade. Porque gato é sincero aos seus próprios desejos.
Seu olhar místico, sua presença tranquila, seus dispersos surtos de amor e loucura, seu instinto sádico, uma certa preguiça e mau humor, e acima de tudo sua liberdade em ser o que é o torna um ser mal compreendido.
Gato preto dá azar, gato não ama o dono ama a casa, gato é interesseiro, gato é traiçoeiro e egoísta. Se gato falasse humanês diria: "se vocês são tão ridículos assim problema é de vocês mas NÃO PROJETEM SEUS DEFEITOS EM MIM SERES MAL RESOLVIDOS." Ao menos é o que eu diria se fosse um gato e falasse humanês.
Gato é mal visto por aqueles que não aceitam um ser que assume seu ser, que vive sua vida conforme sua vontade. Um ser livre é sempre mal visto porque foge à compreensão alheia. Ser livre cercado de humanos é uma tarefa difícil mas não é ingrata.
Eu os compreendo, temos interesses recíprocos como disse anteriormente, em sermos nós mesmos neste mundo repleto de idiotas. Sempre digo aos meus gatos que vejo muito deles em mim, mas quando digo isso sempre fazem uma expressão de: "felizmente não existe nada de você em nós" e isso simplesmente me faz ama-los ainda mais.

Photo: Nickk Fotografias


Nudez Repudiada

Que a nudez agride os olhares dos devotos de valores distorcidos isso não é novidade, que a nudez é marginalizada isso não é novidade, pois até fantasma usa roupa nos filmes. Que as pessoas se conformam em não pensar os seus próprios pensamentos já não assusta mais ninguém; e isso é algo que me assusta bastante.
Nudez que causa ódio, nudez mal compreendida, nudez repudiada... Se nudez lhe agride os olhos, mude o paradigma, você está olhando com os olhos errados.
Meus pensamentos são livres, meu corpo é livre e meu espirito grandioso demais para se perder em um mundo onde deveríamos nos encontrar.
Crie sua própria realidade e a vida passará a fazer sentido.



Performance Resistência. Sub Express, São Paulo, 2013. Foto: Rafael Avancini
Com T. Angel e Jully DeLarge


Se roupa fosse natural meu útero faria tricô.


Photo: Performance Casting Off My Womb

Menina Nua dos Olhos

Se o natural é nascer nu, o nu deveria ser o natural. Ou a menina de meus olhos que está sempre nua me engana?
Roupa me aquece, roupa me protege mas não me enobrece, tão pouco dita quem eu sou.
Roupa não é escudo a favor de meus olhos nem dos seus. 
Roupa não cobre minha vergonha pois vergonha alguma minhas meninas enxergam num corpo nu.


Photo: Nickk Fotografias

Jully DeLarge

Jully DeLarge, libertina, bissexual, 23 anos, sou modelo de Alt Porn e mais uma desajustada social que vive sua vida conforme seus próprios pensamentos. Não me prendo a dogmas estabelecidos por uma sociedade com ideais demasiadamente distorcidos. Através da arte corporal e literatura, minhas principais fontes de alimento para a mente, expresso também minha visão sobre a vida, sobre o mundo.
Feminista convicta. Acredito que a liberdade de expressão, de viver, de ser quem você realmente é, é de direito de todos os seres habitantes desta Terra.

"Torna-te aquilo que és."
Certa vez um pensador desajustado disse isso e muitos não fizeram questão de entender, e vejo que II séculos após sua existência muitos ainda não entendem. Continuamos a viver uma realidade fadada a hipocrisia Nietzsche, eu sei.

Através deste blog compartilharei meus diversos e mais íntimos pensamentos com vocês.
Desde já agradeço a visita! Volte sempre que quiser!
E se quiser, deixe um comentário ^^
Obrigada!

Photo: Edgar Salazar